As redes de distribuição de serviços essenciais à população (abastecimento de água, coleta de esgoto, transporte de gases, sistemas de drenagem, passagem de cabos, etc.) podem exigir que sejam executados dutos enterrados, os quais devem ser projetados e executados de modo a resistir aos esforços e deformações atuantes, garantindo a integridade da estrutura, sem a ocorrência de vazamentos, abertura de juntas, trincas, rupturas generalizadas, etc. Para isso, é necessário que se desenvolva um projeto geotécnico consistente, com técnicas específicas para cada tipo de subsolo, material do duto e material a ser movimentado na obra (escavações e transporte).

1/2

Dutos Enterrados

Destacam-se as seguintes atividades relativas a esse tipo de obra:

  • Traçado de perfil geotécnico associado do subsolo;

  • Avaliação crítica das limitações do subsolo;

  • Classificação e zoneamento das categorias dos materiais a serem escavados;

  • Definição de metodologia construtiva;

  • Verificação da capacidade estrutural de dutos e galerias;

  • Dimensionamento de sistemas de proteção com geovala, reforço do terreno, etc;

  • Dimensionamento de sistemas de escoramento provisório (comum-madeira, metálico-madeira, metálico-prancha, etc);

  • Dimensionamento de sistema de rebaixamento do nível d'água do lençol freático (bombeamento de fundo, poço injetor, ponteiras filtrantes, etc);

  • Dimensionamento das fundações e reforços (berço de areia ou cimento, sistemas envoltórios, etc);

  • Técnicas de perfuração não destrutiva, substituição e proteção de dutos (CIPP - cured-in-place pipe, Sliplining, CFL - close-fit lining, SL - spray lining, PB - pipe bursting, HDD - horizontal directional drilling, EP - earth piercing, PR - pipe ramming, etc).

© 2017 por GeoENG - Consultoria Geotécnica & Projetos de Engenharia. Tel: (71) 3014-0512. E-mail: geotecnia@geoeng.in